Iordanov emociona-se ao ver mensagens de antigos colegas do Sporting

0

Iordanov, o ex-internacional búlgaro e ex-jogador do Sporting, foi protagonista de uma reportagem da Globo. Falou do seu presente e do seu passado, comentou a esclerose múltipla que lhe foi diagnosticada há cerca de 20 anos e ainda foi surpreendido por mensagens de antigos colegas do Sporting. E foi aí que a emoção tomou conta dele e as saudades do clube de Alvalade vieram ao de cima.

Ivaylo Iordanov, hoje com 49 anos, foi protagonista no futebol português e búlgaro, essencialmente na década de 90. Mas foi do Brasil que chegou a emocionante reportagem que está a correr o mundo. Para percebermos o motivo da recente reportagem da Globo é preciso recuar 18 anos, quando o jornalista Marcelo Canelas entrevistou Iordanov pela primeira vez.

Na altura o búlgaro cumpria a oitava temporada pelo Sporting e o Mundial de 1998 estava à porta. Ao mesmo tempo que se preparava para representar o seu país em França, soube que teria de combater uma outra ‘batalha’ fora dos relvados: tinha sido diagnosticado com esclerose múltipla. Ainda assim não se deixou abater pela doença e com vigilância médica adequada continuou a jogar. O único pedido que fez aos médicos foi o de conseguir jogar o Mundial. Conseguiu e ainda foi a tempo de ser campeão pelo Sporting na época 1999/2000.

Passados 18 anos o mesmo jornalista, Marcelo Canelas, foi até Sófia, capital da Bulgária, para conduzir uma nova entrevista com antigo capitão de Alvalade. Por entre memórias do futebol, Iordanov contou que nestes quase 20 anos continua a conseguir controlar a doença, mas já lutou contra um cancro nos intestinos e ainda sobreviveu a um aparatoso acidente de carro.

A entrevista não se ficou apenas por conversa, também houve tempo para surpresas. O jornalista da Globo reuniu mensagens de antigos colegas de Iordanov no Sporting, todos brasileiros. André Cruz, Leandro Machado e César Prates emocionaram o búlgaro com mensagens de apoio e carinho.

Share.