Bruno de Carvalho processa sócios por difamação na internet

0

Bruno de Carvalho apresentou queixa, por difamação, contra 31 adeptos e associados do Sporting, que utilizaram as redes sociais e blogues para se pronunciarem sobre questões relacionadas com a vida do clube. As ações poderão levar ao pagamento de indemnizações, caso os autores não consigam provar o que escreveram e que, na ótica do líder verde e branco, colocam em causa não apenas o seu bom nome, mas também o de quem com ele trabalham e o do clube.

Segundo fonte próxima do processo, Bruno avança para as queixas, não por se tratarem de sócios, a quem reconhece liberdade de expressão, mas por se entender difamado enquanto presidente e como homem.

Numa primeira fase, Bruno de Carvalho tentou que fosse o conselho fiscal e disciplinar do clube a resolver internamente estes processos, mas, informado que o assunto estava fora das atribuições do órgão, decidiu avançar para os tribunais civis. As primeiras audiências terão lugar nos próximos dias.

Fonte: Jornal Record

Share.
21